O que é o Gerenciamento BioEmocional?

O Gerenciamento BioEmocional (GBE) é um método de consulta humanista que estuda o impacto das emoções no nosso corpo e o funcionamento da mente inconsciente. É um olhar holístico e integrador do nosso entorno, no qual tudo está interconectado.

O método tem como base o sentido de adaptação e evolução daquilo que chamamos enfermidade. Apoia-se principalmente nos estudos mais recentes sobre a Epigenética Condutual, e nos conhecimentos de biologia e anatomia. O GBE integra várias metodologias, tais como a Programação Neuro Linguística (PNL), Hipnose Ericksoniana, o estudo da árvore genealógica, entre outros.

No GBE não existe a figura do terapeuta, tampouco do paciente. Há um consultante e um acompanhante, já que entendemos a cura como um ato individual. Não pode ser comparado a qualquer tratamento ou terapia, uma vez que é um método no qual o interessado percebe um determinado problema ou conflito através de uma outra perspectiva. Por esta razão, sua intervenção deve ser pontual – uma única consulta – salvo sob petição expressa do consultante ou do acompanhante. O objetivo é investigar e encontrar os programas ocultos na mente inconsciente que dão origem às nossas doenças e conflitos psíquicos, comportamentais e existenciais.

Os resultados não dependem da informação que é proporcionada, e sim das mudanças emocionais e condutuais que a pessoa realiza ao tomar consciência dessa nova forma de percepção. Se não há ação, os sintomas não desaparecem.

Através deste método, pessoas de todo o mundo encontraram a cura para graves enfermidades físicas e conflitos emocionais, tomando consciência do “para que” estão vivenciando determinadas situações.

O Gerenciamento BioEmocional é para aquelas pessoas que, de uma forma ou de outra, sabem que existe algo além do sintoma, e que este algo não está fora, mas sim dentro de cada um de nós. Somos seres espirituais tendo uma experiência física, o corpo é somente o veículo que usamos para estas experiências. Este corpo está regido por leis biológicas imutáveis, que funcionam incondicionalmente neste mundo, sejamos nós “santos” ou “pecadores”. É necessário compreender que tudo que nos ocorre tem um “para que”, que não é fruto de má sorte, mau carma, destino, ou a cruz que Deus nos deu para carregar. Todas as nossas doenças possuem um sentido biológico, são programas especiais da Natureza com pleno sentido biológico, que devem ser compreendidos e integrados para encontrar a solução dos conflitos que tanto nos incomodam.

Uma das principais bases do método é a BioNeuroEmoção, fundamentada pelo professor Enric Corbera, engenheiro e psicólogo catalão, e difundida pelo Instituto que leva seu nome, localizado em Barcelona. A BioNeuroEmoção já está sendo ensinada nos países de língua espanhola da América Latina, inclusive como matéria eletiva do currículo das faculdades de medicina da Universidade Ibero Americana de Torreón (México) e na Universidade Nacional de Rosário (Argentina). É chegada a hora dos brasileiros também terem acesso a esta poderosa ferramenta de transformação pessoal.

Este é um convite para que você conheça os condicionamentos inconscientes que estão controlando sua vida e que tome consciência de como gerenciá-los. Pretendemos dividir um pouco de nosso conhecimento sobre o GBE para difundir novas e interessantes possibilidades de olhar os conflitos físicos e emocionais que nos acometem. Que sejamos condutores conscientes de nossos corpos para que, na medida em que este veículo vibre de outra forma, possamos projetar outras informações ao campo quântico que nos rodeia, tirando benefícios desta transformação.

Um bom médico pode te salvar a vida, um bom medicamento pode te aliviar as dores, mas curar-se é coisa de cada um.

Por Dr. Carlos Veiga – Coaching em Gerenciamento BioEmocional

Leave a Reply