Estresse: o responsável pelo desequilíbrio hormonal e metabólico

As queixas sobre os efeitos do desequilíbrio hormonal e metabólico são mais do que comuns. Na maioria das vezes, a causa é o estresse em excesso. É quando surgem sintomas crônicos como fadiga, cansaço, aumento do desejo por sal, aumento da sede e hipoglicemia, resultando em quadros de resistência insulínica, prejuízo na conversão dos hormônios tireoidianos, redução do GH (hormônio do crescimento), aumento do cortisol, diminuição do estradiol e piora da libido. No congresso da @vpconsultoria, a nossa equipe discutiu como a nutrição funcional pode consertar toda essa desordem através de fitoterápicos, substâncias neuroprotetoras, probióticos e nutrientes. Obrigada pela sugestão do post e por estar com o assunto na ponta da língua, @nutri_camilarodrigues.

Leave a Reply